terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Gatinha #71

Gatos que precisam de ajuda atraem nossa atenção para outros gatinhos necessitados. 

Primeiro foi a Pepita ( ex-#58 ) que pediu por socorro e acabou ganhando uma casa e uma mãezona. Na mesma rua dela conhecemos o Frankstein ( #69 ) e justamente quando conseguimos ajudá-lo, no momento de seu retorno ao local, uma coisinha de aproximadamente 5 meses aparece, faminta, implorando pela ração que deixamos para ele na soltura. 


Na noite em que capturamos o #69, descobrimos mais 2 gatinhas parecidas com a Pepita, mais 1 branca prenhe ( que também acredito que está com um tumor na mama ), 1 preta-e-branca prenhe, fora 2 machos, um amarelo e branco sem um olho e um tigrado, ou seja, mais 6 gatos para serem capturados e ajudados futuramente. 

Essa gatinha foi a unica filhote que poderiamos ajudar de imediato e mesmo com as moedinhas contadas, era nossa obrigação ajudá-la a não ser mais uma gata colocando filhotes naquele local. 

Quando chegamos lá, à noite, ela estava em cima de uma arvore. Demorou um pouco até que viesse e fosse capturada com a drop trap. Ela passou a noite aqui em casa e fomos para a clinica à tarde.

lindinha brabinha, ficava avançando em mim pelo box :D

Ela me mordeu, arranhou, atacou o pessoal na clinica, sorte que pelo pequeno tamanho, não causou nenhum ferimento grave e logo ela estava  castradinha :)

1 ponto reforçado com 3 nózinhos :)



Uma das - inumeras - vantagens de castração pediatrica é em como os filhotes se recuperam mais rapido e melhor da anestesia :) Poucos minutos depois ela já estava acordando e tentando morder heheheh

Foi liberada no final da noite, passando bem :)

Gostaria de agradecer a todos que ajudaram os gatinhos de fevereiro :)

Espero que em março possamos ao menos alcançar os próximos #80 e livrarmos muito mais filhotes do abandono :)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.